Helicópteros Chinooks da Força de Defesa Australiana retornam ao Afeganistão.

Os helicópteros CH-47D Chinook da Força de Defesa Australiana retornaram com suas operações no sul do Afeganistão, fornecendo capacidade de transporte médio para as unidades da Força Australiana e da Força Internacional de Assistência à Segurança (ISAF), após serem revisados pelo pessoal técnico no Aeródromo de Kandahar.

CH-47D da Força de Defesa Australiana em operação no Afeganistão

Os helicópteros serão operados pelos homens e pelas mulheres do Grupo de Asas Giratórias 7 (RWG 7) que recentemente iniciou sua implantação no Afeganistão em apoio a Operação Slipper.

O Comandante da Força Tarefa Conjunta 633 da Austrália no Oriente Médio, Major General Stuart Smith disse que os helicópteros foram uma grande adição para a capacidade de asas rotativas da ISAF no sul do Afeganistão.

CH-47D em voo

Incorporada com a 25ª Brigada de de Aviação de Combate dos Estados Unidos, conhecida como Asas de Força Tarefa, a RWG 7 irá proporcionar apoio de helicópteros de transporte médio nas missões da ISAF nas áreas de Uruzgan, Daykundi, Kandahar e Zabul.

Tradicionalmente, os dois helicópteros CH-47D são desmontados e transportados de volta à Austrália para manutenção em profundidade ao longo do período do inverno afegão. No inverno passado, os helicópteros permaneceram em Kandahar para essa manutenção programada.

Isto resultou numa economia por não ter que desmontar o avião para o transporte de volta para a Austrália e, bem como economia de combustível e horas de vôo para as aeronaves C-17 da RAAF.

A manutenção no teatro de operações foi supervisionado por uma equipe técnica experiente do pessoal do Exército para garantir que eles conhecessem os rigorosos requisitos técnicos de aeronavegabilidade australianos.

Fonte: Cavok

Pin It

Deixe uma resposta