Aprenda como se tornar um piloto profissional de helicóptero em 7 passos!

Com mais de 14 milhões de desempregados no Brasil, cada vez mais pessoas procuram por profissões que não sejam tão comuns e com um pagamento alto. Um desses empregos é o de piloto de helicóptero profissional.

Porém, engana-se quem acredita que esse é um caminho fácil ou rápido. É importante, antes de tudo, saber se você realmente deseja seguir essa carreira, pois tornar-se piloto de helicóptero exige investimento e tempo.

Para te ajudar a sanar suas dúvidas sobre todo o processo, confira os passos de como virar piloto de helicóptero.

1. Estude e converse

Assim como qualquer decisão de carreira, ser piloto de helicóptero exige muita reflexão para garantir que é isso que você quer para sua vida.

Muitos buscam essa profissão depois de saber quanto ganha um piloto de helicóptero, mas não buscam conhecer melhor a profissão.

É essencial procurar por materiais que falam sobre a vida de piloto, e você encontra diversas matérias aqui no Portal Helicóptero. Além disso, que tal conversar com pilotos e outros aspirantes? Você pode procurá-los em grupos de redes sociais ou até em aeroclubes. Procure saber se sua cidade não possui um aeroclube e agende uma visita!

2. Agende uma aula experimental

É comum que escolas profissionalizantes, não apenas aquelas dedicadas a aulas de helicóptero, ofereçam aulas experimentais para aspirantes. Agendar uma aula teste é essencial não apenas para você ter uma ideia do que pode esperar, mas também para medir a qualidade da escola.

Conheça as cidades onde existem aulas de helicóptero certificadas pela ANAC!

É importante lembrar que essas aulas só podem ser oferecidas por locais certificados pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). Esse órgão governamental regula e permite o funcionamento de cursos que condizem com as normas da aviação civil brasileira.

3. Faça o curso teórico de piloto de helicóptero

Se você deseja trabalhar como piloto de helicóptero, é preciso que você possua duas diferentes habilitações, de Piloto Privado (PP) e Piloto Comercial (PC-IFR) e cada uma conta com módulos teóricos e práticos.

Em média, o curso teórico de Piloto Privado custa entre R$1500 a R$3000, com os materiais necessários já inclusos. A duração desse curso depende da sua disponibilidade. Assim como a autoescola, você adaptará seus horários pessoais com aqueles oferecidos pela escola. É possível fazer o curso durante todos os dias de semana, em dias específicos ou apenas nos finais de semana.

Para saber exatamente quanto custa o curso de piloto de helicóptero, entre em contato com a escola de sua cidade e peça um orçamento.

4. Faça o curso prático de piloto de helicóptero

Terminado o curso teórico de PPH (Piloto Privado de Helicóptero), é hora de começar as tão esperadas aulas práticas.

Mas não tão rápido! Antes de começar, você precisa tirar o Certificado de Capacidade Física. Caso seja sua primeira vez fazendo o exame, para retirar a licença de Piloto Privado, o certificado pode ser retirado em um dos consultórios homologados pela ANAC.

  • Se você estiver retirando a licença para Piloto Comercial de Helicóptero, o exame obrigatoriamente deverá ser realizado no Hospital da Aeronáutica

Durante as aulas, será usado um helicóptero Robinson 22. Essa nave é pequena, sendo que apenas você e o instrutor estarão dentro dela.

Para se tornar um Piloto Privado, é exigido um mínimo de 35 horas práticas. Cada hora costuma custar em cerca de R$750,00, ou seja, as 35 horas saem por cerca de R$26 000. O valor da hora varia conforme a escola e também do pacote fechado com a escola.

No caso do Piloto Comercial, é exigido 100 horas práticas, sendo que cada hora custa, em média, R$700. O valor em média sai cerca de R$70 000.

  • É importante lembrar que, para trabalhar como piloto de helicóptero, você deve ter a licença de Piloto Comercial.

Além das aulas, é necessário fazer o exame de voo, conhecido como voo de cheque.

Sem dúvidas, os custos para se tornar um piloto de helicóptero profissional não são baixos. Porém, pense nisso como um investimento: o salário é alto e em pouco tempo trabalhando você recuperará o valor.

Uma solução muito procurada é a de buscar empréstimos e financiamentos para o curso. Converse com o seu banco para conhecer as possibilidades de um financiamento.

 

5. Reserve um tempo diário para estudar

Assim como qualquer curso superior, técnico ou profissionalizante, as aulas de helicóptero exigem muita dedicação.

Mesmo que você não tenha a disponibilidade para fazer aulas todos os dias da semana, reserve um tempo para estudar em casa. Com esse esforço, é garantido que provas e exames serão muito mais tranquilos.

Além do material fornecido pela escola, tenha curiosidade e peça indicações de materiais extras para seus professores. Fazendo isso, seu conhecimento será cada vez maior do que a média.

6. Realize o Exame Teórico

Depois de passar por todos esses passos, tudo o que te separa do mundo das asas rotativas são as provas.

A prova de PPH é dividida em cinco matérias diferentes:

  1. Regulamentos de Tráfego Aéreo VFR (30 minutos);
  2. Meteorologia (30 minutos);
  3. Navegação VF3 (1 hora);
  4. Teoria de Voo (30 min);
  5. Conhecimentos técnicos (30 min).

As mesmas provas são aplicadas para retirar a certificação de Piloto Comercial, porém com tempos de duração diferentes. Confira o edital completo do exame da ANAC realizado em 2017.

7. Retire a habilitação para Piloto Comercial

Já descrevemos aqui os passos para retirar também a habilitação como Piloto Comercial.

O processo funciona de forma parecida ao modo de retirar nova Categoria para automóveis terrestres. Por mais que seus passos sejam bem mais exigentes, você já estará mais acostumado com o caminho.

Com certeza, ser um piloto de helicóptero profissional não é uma tarefa fácil ou rápida, porém vale a pena. Se essa for sua paixão, siga-a e boa sorte nesse caminho!

Conhece alguém que se interessaria em virar piloto de helicóptero? Mostre essa matéria para ele agora mesmo!

Pin It

Deixe uma resposta